domingo, 29 de novembro de 2015

MOSTEIRENSE NA FRENTE DO CAMPEONATO E COM MENOS UM JOGO

Ao vencer por 1 - 0 esta tarde no Campo da Basteira em Mosteiros, o Futebol Clube Mosteirense é agora líder do Campeonato Distrital Sénior da Associação de Futebol de Portalegre e com menos um jogo.



















Mosteirense – Janela (GR), Hugo Ponteiro, Rosinha (cap), Rui santos, João 
Cordeiro, João Carapinha, Rui Martins, António Pinheiro, Fernando Toscano, André Camilo e Filipe Pacau
Treinador – Jorge Moura. 
Fronteirense – Tiago (GR), Tavares, Rosado, Sabino, Rafael, Costinha, João Nova, Cabeças, Rebocho, Parra e Canoa.Treinador – Nuno Abegão
Árbitro – Sérgio Pita

Esta tarde defrontaram-se porventura as duas equipas com os melhores plantéis deste campeonato. O Fronteirense líder e o Mosteirense em segundo lugar com menos um jogo, que vai cumprir a 3 de Janeiro, recendo o Monfortense.
Não foi um jogo bonito, já que houve muita bola pelo ar e muita bola a sair pelas laterais, mas foi um jogo de entrega e emoção praticado por ambas as equipas. Na primeira parte com um Mosteirense mais dominador, a jogar mais no meio campo do adversário e com supremacia dos médios da sua equipa.
Dentro deste equilíbrio, conseguiu aos 26’ André Camilo colocar o Mosteirense na frente do marcador. A jogada começa num lançamento lateral que Camilo cabeceia lá do alto para o fundo da baliza à guarda de Tiago que nada pôde fazer.
A equipa dos Mosteiros colocava-se na frente do marcador e seria assim que sairia para o intervalo.
Na segunda parte o Fronteirense adiantou mais o seu bloco e encostou o Mosteirense a trás, onde a defesa e sobretudo Rui Martins (o Homem do Jogo para nós), iam chegando para suster o adversário que procurava, nem sempre com o melhor discernimento, o golo do empate que pudesse relançar a partida.
Ambos os treinadores mexeram nas suas equipas esgotando as substituições e o Mosteirense já nos minutos finais podia ter feito o segundo. Primeiro por Miguel Cardoso e depois com uma bola à barra através de António Pinheiro.
Com o apito final do árbitro Sérgio Pita que teve um bom desempenho, o Mosteirense colocou-se no primeiro lugar da tabela com 15 pontos e menos um jogo, o que lhe dá margem para se poder manter no topo.












Distrital de Juniores



A equipa de Juniores do Sport Arronches e Benfica recebeu no Estádio Municipal Francisco Palmeiro em Arronches a equipa do Estrela de Portalegre. Num encontro com teve um certo equilíbrio, quando havia ainda 0-0, o SAB teve duas oportunidades de golo que não conseguiu concretizar. O Estrela foi mais eficaz e nas duas oportunidades de que dispões conseguiu levar uma vitória por 0-2.

Distrital de Iniciados



Também a equipa de iniciados do Atlético de Arronches/AFA, recebeu a sua congénere do Eléctrico no Estádio Municipal Francisco Palmeiro, num jogo em que a supremacia do adversário foi evidente e o resultado espelha isso mesmo ao cifra-se num 1-9.

Festa de Final de Temporada dos Forcados Amadores de Arronches

A Associação Amigos da Festa Brava, na qual está integrado o Grupo de Forcados Amadores de Arronches, levou a efeito durante o dia de ontem (sábado 28 Nov.) mais uma Festa de Final de Temporada. 


O dia começou com um treino convívio na Praça de Touros de Arronches com gado dos Irmãos Serpa, onde compareceram antigos, actuais e muitos novos elementos que querem integrar este grupo alentejano. 
Depois do treino foi a vez de manter a tradição da Missa com Bênção dos Barretes, que teve lugar na Igreja da Luz com a Missa oficializada pelo Padre Fernando Farinha que, na sua homília e referindo-se aos forcados, falou do medo e da coragem. Recordando o medo que esta actividade causa nos familiares destes e a sua coragem na praça para superar todos esses medos.
 Disse o Padre Farinha que medo e coragem é aquilo que a vida nos traz, e que temos que enfrentar. Depois da cerimónia da Bênção dos Barretes a comitiva este ano, dirigiu-se para a Freguesia dos Mosteiros, onde no Centro Cultural desta freguesia rural, decorreu a festa propriamente dita. 
Sala cheia com todos aqueles que envergam, envergaram ou pretende um dia vir a envergar a jaqueta das ramagens deste grupo de forcados.
A mesa foi presidida por Fermelinda Carvalho, contou com a presença do Vice-presidente, João Crespo, Presidentes das Juntas de Freguesia de Mosteiros (anfitrião) e Assunção, o casal Dª Guida e Francisco Romão Tenório, Presidente da Associação, antigo e actual cabos do grupo, Ricardo Nunes e Manuel Cardoso. 
O jantar foi servido pelos irmãos Florentino, decorrendo ao longo do mesmo um espectáculo de fados onde actuaram Leonor Fartouce, Duarte Gato e Filipe Núncio, estes últimos também guitarra e viola. Como surpresa a actuação das “Sevilhanas de Arronches” que, talvez, pela proximidade com Espanha, souberam incluir na sua actuação esse garbo e salero de nuestros hermanos andaluzes.
Seguiram-se na parte final as intervenções quer de Ricardo Nunes e Manuel Cardoso, como de um vasto leque de pessoas que foram convidadas a dizer algumas palavras nesta festa.
O ex-cabo Ricardo Nunes realçou que “esta temporada foi uma temporada importante, pois para além de haver uma mudança de cabo, o grupo passou ao primeiro escalão”. Quis com isto dizer que, os Amadores de Arronches ao actuarem em Portugal em três anos consecutivos e somando mais de 15 actuações, passaram a integrar o escalão superior. Para Ricardo Nunes um patamar importante. Na sua intervenção fez a nomeação verbal de alguns elementos, membros da direcção ou simplesmente amigos, que se destacaram pelo seu apoio incondicional ao grupo. 
A Presidente da Câmara Municipal de Arronches e os Presidentes das Juntas presentes, reconheceram o papel que o grupo representa na divulgação do Concelho em Portugal e Espanha e mostraram-se uma vez mais, disponíveis para ajudar os Amadores de Arronches, sempre que possível.
A noite terminou com a exibição de um vídeo sobre a temporada 2015 e mais uma sessão de fados, já em plena madrugada. Resta acrescentar que, tudo isto só foi possível pelo apoio de entidades e empresas que colaboraram nesta festa.








Casa de Arronches em Lisboa volta com convívio anual em torno da “Castanhada” para a sede do Concelho


 A direcção da Casa do Concelho de Arronches em Lisboa, voltou a cumprir mais um ano com a sua promessa de trazer até Arronches o convívio anual em torno da “Castanhada”, que não é nem mais nem menos, do que um almoço que este ano reuniu cerca de 200 pessoas.



Da capital veio um autocarro que rapidamente esgotou a sua capacidade e muitos que se deslocaram nas suas próprias viaturas, aos quais se juntaram os arronchenses residentes no concelho. Mas não foram só os arronchenses quer vivam fora com aqueles que aqui vivem, pois na “caravana” incorporaram-se muitos amigos da “Casa de Arronches” que um dia se perderam de amores por este pedaço de terra de um beleza invulgar para se encontrar em pleno Alentejo.

Ao convívio juntaram-se a Presidente e Vice-presidente da Câmara Municipal de Arronches e os Presidentes das três juntas de Freguesia. O almoço foi servido (bem) como sempre pelo Restaurante “Caeiro” de Vale de Cavalos e a música esteve a cargo de Gonçalo Barata e das suas bailarinas, para no final então ser degustada a prometida "castanhada".
Foi mais uma jornada de convívio tal como disse o Presidente da Direcção da Casa de Arronches, João Luís Feiteira, os objectivos estão a ser cumpridos, hoje já estão integrados numa associação que aglutina estas casas regionais na capital, e muito mais há para fazer, sensibilizando para isso a Presidente da Câmara Municipal de Arronches.




sábado, 28 de novembro de 2015

Menos contributos em Arronches na recolha de alimentos para o Banco Alimentar Contra a Fome

Decorreu hoje em Arronches a recolha de alimentos para o Banco Alimentar Contra a Fome.

Esta iniciativa está integrada na campanha “Alimente esta Ideia” e os voluntários estiveram presentes nos seguintes estabelecimentos no Concelho de Arronches:
Minipreço e Supermercado Coop, Loja do Paulo Zé (Arguelles), Loja do Mercado Municipal, e nas Mercearias Olga, Dª. Antónia, Maria Carmem e Celeste, estas duas últimas, na Freguesia de Esperança.
Num pequeno périplo que o N.A. fez de manhã por alguns locais, reinava a decepção, porque este ano as participações foram em menor escala, sobretudo nas duas maiores superfícies.
Razões para isso, podem ser várias mas todas especulativas. Contrariamente na Loja do Paulo Zé Arguelles, este dizia-nos que este ano os contributos das pessoas tinham sido maiores do que na passada campanha. 



quinta-feira, 26 de novembro de 2015

Associação Casa Juvenil Nª Srª de Assunção e Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários de Arronches assinam protocolo no âmbito do programa RLIS

Ontem ao final da tarde a Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários de Arronches e a Associação Casa Juvenil de Nossa Senhora da Assunção, assinaram um protocolo no âmbito do projecto RLIS -Rede Local de Intervenção Social.
Este protocolo que a Presidente da Associação Casa Juvenil Nossa Senhora de Assunção, Maria João Valentim teve a oportunidade de explicar aos presentes, vem no “seguimento do Programa Portugal 2020, onde está integrado o RLIS. Este projecto está a ser promovido pela ACJNA e contempla os concelhos de Arronches e Monforte e vai-se desenvolver ao longo de três anos”.
Neste projecto disse a presidente da associação “que tem a ver com a economia social, procuram-se parceiros que, de algum modo, têm como objectivo desenvolver “acções” que eram do âmbito da Segurança Social no acompanhamento e atendimento de pessoas carenciadas, para isso envolve técnicos nessas áreas”. Este projecto é financiado pelos Fundos Comunitários e tem um valor de 190.000,00€.
Maria João Valentim mostrou-se agradada pela confiança depositada na estrutura da sua associação para o desenvolvimento do projecto. Para isso a associação pensou em ter parceiros e aqui entrou a Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários de Arronches.
Sobre esta parceria, João Crespo Presidente da AHBVA, disse na ocasião que “esta parceria incide sobre o fornecimento de refeições pela ACJNSA aos piquetes de serviço no quartel dos bombeiros nos fins-de-semana e feriados, bem como sobre a prestação de serviços por parte da AHBVA à ACJNSA no âmbito do projecto RLIS”, ou seja a “Associação dos Bombeiros Voluntários de Arronches passa a assegurar os transportes e assistência, inseridos no trabalho a desenvolver pela estrutura criada”. Para isso haverá mensalmente uma transferência monetária por parte da ACJNSA, para custear despesas essencialmente com combustível, como frisou Maria João Valentim.

terça-feira, 24 de novembro de 2015

António Costa será o novo Primeiro-Ministro do Governo português

Todos os nomes do novo Governo. Surpresas na Justiça, Cultura, Defesa e Mar. Já há lista completa de ministros no novo Governo de António Costa. São 17, no total. Conheça as maiores surpresas. Posse pode ser já na sexta-feira.



"António Costa será o primeiro-ministro de um Governo que altera a orgânica tradicional e que inclui muitas caras novas. Nesta nova composição, há novos ministérios e outros que deixam de existir, como os Assuntos Parlamentares ou a Presidência do Conselho de Ministros, ficando a cargo de secretários de Estado.
Finanças - Mário Centeno – Sempre foi o nome mais falado. O homem das contas de António Costa é o nome quase evidente para assumir a pasta que tem o controlo das contas do Estado. Contudo, Centeno tem como área de especialização o Trabalho, e foi ele que coordenou as equipas técnicas nas reuniões com a esquerda e no programa de Governo. Várias foram as alterações respeitantes à área das relações de trabalho, por pressão do PCP.
Justiça - Francisca Van Dunem – Era até agora Procuradora Distrital de Lisboa, é uma das mulheres fortes do Ministério Público português. Casada com o economista Eduardo Paz Ferreira, Van Dunem falou há uns tempos da discriminação racial ainda existente em Portugal. Provém de uma das famílias mais tradicionais de Angola, os Van Dunem, desde sempre ligados ao MPLA. A família deu mesmo origem a um livro de Pepetela, “A gloriosa família”, muito polémico na altura porque contava a origem dos Van Dunem remetendo para um holandês ligado ao tráfico de escravos.
Economia - Manuel Caldeira Cabral – Foi um nome já consolidado há algum tempo. O economista, professor da Universidade do Minho, fez parte do grupo que Costa chamou para preparar o cenário macroeconómico. Foi cabeça de lista por Braga. Caldeira Cabral teve ligações à anterior direcção socialista, de António José Seguro, quando este formou um grupo para negociar com o Governo de Passos Coelho a estratégia para os fundos estruturais.
Educação - Tiago Brandão Rodrigues – Foi o jovem emigrante que Costa trouxe para a primeira linha do combate político. Será o ministro mais jovem, com 38 anos. Foi cabeça de lista por Viana do Castelo e, durante os 15 dias de campanha eleitoral, foi ele quem encabeçou os debates temáticos sobre educação. Por norma, os governos PS separam a Educação do Ensino Superior – que foi durante anos pasta atribuída a Mariano Gago.
Administração Interna - Constança Urbano de Sousa – Especialista em assuntos de asilo e emigração. A carreira na área da emigração junto às instituições europeias fez dela a escolha de Costa. Professora na Autónoma, foi Conselheira e Coordenadora da Unidade Justiça e Assuntos Internos da Representação Permanente de Portugal junto da UE. Foi ainda chefe da delegação portuguesa ao Comité Estratégico Imigração, Fronteiras e Asilo (CEIFA) da União Europeia.
Saúde - Adalberto Campos Fernandes – Médico e especialista em saúde pública, ex-gestor do Hospital Santa Maria, é um dos homens que tem uma visão de Serviço Nacional de Saúde equivalente à de António Costa e foi também ele deu contributos para o programa nesta área. Há vários anos que o seu nome era dado como ministeriável. Chegou agora a sua vez.
Ambiente - João Matos Fernandes – Foi administrador do Porto de Leixões e era até agora presidente da Águas do Porto. Desceu até Lisboa na altura das negociações com os partidos de esquerda, chamado por António Costa. Fez parte da equipa técnica que negociou com os Verdes.
Defesa - José Azeredo Lopes – Foi presidente da Entidade Reguladora para a Comunicação Social e actualmente é chefe de gabinete da Câmara do Porto. Professor Associado da Faculdade de Direito da Universidade Católica do Porto, é professor das disciplinas de direito internacional.
Ministro da Cultura - João Soares – Era até agora deputado. Foi vereador da cultura em Lisboa e depois presidente da Câmara. Filho de Mário Soares, João Soares chega agora ao Executivo. O seu nome chegou a ser falado para ministro da Defesa, dado que era um dos representantes do PS na comissão parlamentar desta área e presidente da Assembleia Parlamentar da OSCE.
Dependentes do primeiro-ministro ficarão ainda: Secretária de Estado adjunta do primeiro-ministro, Mariana Vieira da Silva – Pertence à Comissão Política do PS e já pertenceu ao gabinete da ex-ministra da Educação, Maria de Lurdes Rodrigues, entre 2005 e 2009. Mais tarde foi adjunta do Secretario de Estado Adjunto do Primeiro Ministro, Almeida Ribeiro. Doutoranda do ISCTE, foi uma das coordenadoras do programa do partido e esteve desde sempre no núcleo duro de Costa.
Secretário de Estado dos Assuntos Parlamentares - Pedro Nuno Santos – Era deputado até agora e vice-presidente da bancada parlamentar. É líder da Federação do PS de Aveiro e foi o chefe das equipas negociais com PCP, BE e Os Verdes. Costa chamou-o para ficar no Parlamento e assegurar em conjunto com Carlos César, João Galamba e Ana Catarina Mendes as negociações à esquerda. A semana passada deu uma entrevista ao Observador.
Secretário de Estado da Presidência do Conselho de Ministros - Miguel Prata Roque – É advogado e professor de Direito Administrativo da Faculdade de Direito da Universidade de Lisboa. É também advogado de José Sócrates na providência cautelar que o ex-primeiro-ministro apresentou contra o Correio da Manhã por causa do caso Operação Marquês". (fonte Observador-foto - D.R.)

Hotel Rural Stº António na FEHISPOR|2015, ESPANHA

O Hotel Rural de Santo António, participou na FEHISPOR 2015, numa iniciativa que decorreu dia 21 de Novembro, com a apresentação dos serviços do hotel na área dos EVENTOS (Casamentos, batizados, comunhões, aniversários, ...) e um NOVO SERVIÇO "FEEL RELAXED" em que esteve com dois massagistas em plena feira a darem massagens faciais com lamas e ervas aromáticas.


Começa amanhã a ser distribuída nos locais habituais, a edição de Novembro do Jornal Notícias de Arronches.

Os destaques desta edição vão para o II Simpósio Ibérico de Diabetes que este ano, teve cobertura para além da comunicação social regional, mas também da televisão (SIC), que dedicou um espaço a este evento. A Caminhada Solidária Contra o Cancro da Mama, realizada mais uma vez pela Junta de Freguesia de Assunção, que terminou com um “Laço Solidário” no Estádio Municipal, tem o devido destaque nesta edição, assim como a celebração do São Martinho nos Bombeiros Voluntários de Arronches, a “Noite das Sopas” ou a iniciativa da Coração Delta “Tempo de Ajudar”.
Já no desporto damos destaque à equipa de Juniores do Sport Arronches e Benfica que, no fim-de-semana, esteve a perder em Elvas e nos momentos finais deu a volta ao resultado com uma saborosa vitória sobre “Os Elvenses”. Também o futebol de formação e o futsal nos mereceram uma atenção especial.
Dois artigos devem merecer a atenção dos nossos leitores como “O Rei da Bandeirada” cujo negócio dos táxis têm contornos com a licença do táxi na Freguesia de Esperança e a “Hipocrisia das Multas”, cada vez a incidir mais sobre o cidadão e com meios mais sofisticados. Quem paga são sempre os mesmos…
Na política como habitualmente, acompanhámos as Reuniões de Câmara, uma forma de levar até aos nossos leitores o que de mais importante é discutido politicamente no âmbito local.
Estes são os destaques mas, pode ficar ao corrente de muitas mais notícias do seu concelho…e não só.
Como habitualmente, as crónicas dos nossos colaboradores trazem o interesse para que possa desfrutar de mais uma edição do Notícias de Arronches.

O Dia Internacional para a Eliminação da Violência Contra a Mulher

O Dia Internacional para a Eliminação da Violência Contra a Mulher, vai ser comemorado com um palestra no dia 25 de Novembro pelas 14h30 no Centro Cultural de Arronches, sob o lema "Quebre o Silêncio"
Esta é uma iniciativa da Comissão de Protecção de Crianças e Jovens - CPCJ e conta com a colaboração do Município de Arronches, Agrupamento de Escolas, Centro de Saúde e PraCachopos.
"Na última década, morreram 398 mulheres em Portugal, vítimas em contexto de violência doméstica. Este número terrível dá-nos uma média de quase 40 mulheres assassinadas por ano (39,8). Da análise destes dados, constata-se uma certa constância dos números na última década, com variações que neste campo – o das mulheres assassinadas em ambiente doméstico – não são significativas, sendo que quer o número de homicídios ocorridos em 2013 (37), quer em 2014 (42), se encontram dentro da fronteira desta terrível média"(Carlos Anjos|Correio da Manhã).

Assembleia-geral na Associação de Protecção Animal Arronches Adopta

A Associação "Arronches Adopta" vai realizar no próximo dia 30 de Novembro pelas 18 horas a sua Assembleia-geral que terá lugar no Hotel Rural Santo António.
Para esse fim a Presidente da Mesa da Assembleia apela para que os "sócios e membros dos corpos dirigentes da Associação de Protecção Animal Arronches Adopta, comparecem nesta assembleia.
Vimos por este meio convocar todos os Associados da Associação de Protecção Animal “Arronches Adopta”, para a reunião da Assembleia Geral Ordinária, que terá lugar no Hotel rural de Santo António em Arronches pelas 18h do dia 30 de Novembro de 2015, com a seguinte ordem dos trabalhos. Da ordem de trabalhos fazem parte os seguintes pontos: Informações da Direcção; Apresentação, discussão e deliberação sobre o relatório de Actividades e contas e respectivo parecer do Conselho Fiscal relativos ao ano de 2015; Aprovação das contas para 2016; Apresentação das actividades para 2016 e outros assuntos de interesse geral.



segunda-feira, 23 de novembro de 2015

Mário Centeno apresenta programa de governo do PS no distrito de Portalegre

Crescimento do emprego, recuperação dos rendimentos e investimento são prioridades

A Federação Distrital de Portalegre do Partido Socialista organizou uma sessão, no passado domingo, no Crato, para os seus militantes para apresentar as linhas mestras do programa de governo preparado pelo PS. 
Nesta iniciativa, Mário Centeno, deputado socialista e um dos responsáveis pela definição do documento, explicou as várias vertentes em que incide o acordo à de incidência parlamentar com os restantes partidos de esquerda e salientou as prioridades que passam por fazer crescer o emprego, promover a recuperação dos rendimentos das famílias e o investimento.

domingo, 22 de novembro de 2015

FUTSAL - Jogos dos Juvenis e Séniores da Associação Terrimponente

2ª Jornada Campeonato Juvenis 

Terrimponente 6 - 3 Almansor

A Associação Terrimponente recebeu no Pavilhão Gimnodespotivo de Arronches o Almansor (Montemor-o-novo) que venceu por um expressivo 6-3. Foram marcadores dos golos Bastos 2, Carrapiço 3 e Trabuco 1. O jogo foi arbitrado por Diamantino Roque.

Séniores Taça da Associação

Terrimponente 4 - 4 Almansor

A contar para a Taça da Associação de Portalegre de Futsal, a Associação Terrimponete jogo em casa frente ao Fronteirense, num jogo que acabou num empate a quatro golos.
Marcaram pela equipa da casa Fábio 2, Luis Santos 1 e Francisco Courinha 1. Foi árbitro do encontro Júlio Paixão.

Campeonato Distrital de Benjamins Sub

"O Elvas" CAD "C" 1 vs Academia Futebol Arronches / ACA 2


-"Tó" Picado o jovem que se lesionou -
A equipa de Benjamins da do Atlético/Academia de Arronches deslocou-se ontem a Elvas para mais um encontro. Encontro esse que ficou marcado com a lesão do jovem António Picado "TÓ", ao chocar cabeça com cabeça, com um adversário. O jovem atleta foi transportado ao Hospital para exames radiológicos. Felizmente não passou de um susto e já se encontra em casa em repouso desde ontem.
Quanto ao jogo em si, foi muito disputado e em condições precárias, numa relvado natural muito mal tratado e um forte vento que se fazia sentir.
Vvitória mais que merecida da equipa da Academia / A.C.A tendo no final toda a equipa dedicado essa mesma vitória ao seu colega "Tó".


sábado, 21 de novembro de 2015

Sport Arronches e Benfica vira resultado em Elvas e vence por 3-2

“Os Elvenses" 2 – Sport Arronches e Benfica 3

A contar para a 6ª jornada a equipa de Juniores do Sport Arronches e Benfica deslocou-se a Elvas para defrontar “Os Elvenses”, numa partida que não começou da melhor forma, pois logo aos 3’ “Os Elvenses” adiantavam-se no marcador na transformação de um pontapé de canto, através de Kurnélios.
A equipa acusou o golo tão madrugador e os primeiros trinta minutos o domínio foi da equipa da casa. O SAB optou muito pelo jogo individual, com muita perca de segundas bolas e criou poucas linhas de passe. Houve contudo uma oportunidade de Mouquinho num canto e de Careto em jogada individual. 
A equipa começou a entregar-se mais ao jogo, acertar mais nas marcações e melhorou substancialmente no último quarto de hora do primeiro tempo.
Com o intervalo Ricardo Graça acertou pormenores com a sua equipa e o resultado foi que logo ao minuto 52, Caixas fazia o empate para o SAB. 
A ascendência da equipa de Arronches era notória, surgindo jogadas mais conseguidas, uma maior entrega ao jogo, sempre acreditando que era possível sair de Elvas com um bom resultado. Contra a corrente do jogo com mais duas oportunidades de aumentar o marcador por parte do SAB, “Os Elvenses” adiantavam-se de com o 2º golo por Samuel aos 75’ de novo de bola parada.
O treinador do SAB, Ricardo Graça fez entrar ainda Pereira e Coelho que deu mais consistência à equipa, onde Zé Filipe, quanto a nós, fez um grande jogo, a exemplo de outros companheiros.
O SAB continuava a carregar sobre o adversário que viria a jogar com dez por vermelho directo a um seu jogador por palavras à árbitra da partida. Em jogada envolvente Careto viria aos 78 minutos a voltar a empatar a partida para já aos 87’ Garção introduzir pela terceira vez a bola na baliza à guarda de João Mexias. Foi a vitória do crer e da capacidade de entrega sobretudo no segundo tempo.(Ler mais na edição em papel de Março)